Empresa cria mouse que não precisa de cabo nem bateria

A Razer anunciou a nova tecnologia de carregamento sem fio HyperFlux, que é usada pela primeira vez no novo mouse Razer Mamba HyperFlux e no bloco de energia apropriado.

Em vez do mouse que contém uma bateria recarregável, a energia será transferida para ele em tempo real graças ao campo magnético. Isso significa que o mouse é mais leve e se move mais rápido, o que é particularmente adequado para jogar. Os jogadores não ficaram mais restritos por bateria ou cabo.

O novo mouse HyperFlux também usa a Tecnologia de Freqüência Adaptativa Razer (AFT) patenteada para aumentar o sinal que a Razer diz ser mais estável. Outras características incluem o sensor óptico 5G com 16.000 DPI, o mouse suporta aceleração de até 50G e ultrapolling até 1000Hz e tem nove botões programáveis ​​com interruptores mecânicos.

Suas dimensões são 124,7 mm (comprimento) × 70,1 mm (largura) × 43,2 mm (altura) e pesa 96 gramas. E ainda o mouse também pode ser usado no modo cabo, o comprimento do cabo é de 2,1 m.

O Firefly HyperFlux pad é reversível para permitir movimentos mais rápidos (lado mais difícil) ou mais finos e mais lentos (lado feito de tecido). Tamanho aproximado é 355 mm (comprimento) × 282,5 mm (largura) × 12,9 mm (altura) e pesa 643 g. O mouse e o pad também estão equipados com RGB Razer Chroma com 16,8 milhões de cores customizáveis.

O mouse deve estar no mercado no primeiro semestre deste ano e será vendido por US $ 249,99.

Redator

Edilson Félix é redator e co-fundador do TecnoGames Brasil. Vive constantemente conectado no mundo da tecnologia, surfando na onda das novidades.