• Facebook
  • Instagram
  • Twitter
Notebook da Lenovo já possui o novo processador Intel Cannon Lake de 10 nm

Notebook da Lenovo já possui o novo processador Intel Cannon Lake de 10 nm

18/05/18

O notebook da Lenovo, que está no mercado asiático atualmente, está equipado com um dos primeiros processadores Intel Cannon Lake de 10 nm. Especificamente, é o Intel Core i3-8121U revelado, que acaba de aparecer no banco de dados da empresa e tem dois núcleos com uma freqüência de base de 2,20 GHz e um turbo de 3,20 GHz. Isso significa que processadores Intel de 10 nm estão finalmente começando a aparecer no mercado.

A Intel pretendia lançar seu processador de 10 nm no início de 2017, mas isso não aconteceu. A empresa adiou várias vezes o lançamento alegando problemas de fabricação associados ao processo de 10 nm. Quanto menores as partes do processador, mais problemático é o processo de produção, o que acarreta num maior número de chips defeituosos.

Os processadores já estão sendo fabricados, mas a produção em 2018 ainda será baixa, a Intel transferiu sua produção em massa para 2019 e este ano continuará otimizando sua tecnologia de 14 nm. Tecnologicamente, o processador Cannon Lake reduz a versão de sete gerações do design otimizado do Kaby Lake, mas já faz parte da oitava geração de processadores da empresa.

Surpreendentemente, ele não possui um componente gráfico integrado, portanto, os notebooks precisarão de um chip gráfico discreto.

A Intel lançou a terceira geração da 8ª geração de processadores Coffee Lake em 2018, adicionando variantes de desktop e laptop em abril, incluindo o primeiro chip móvel Core i9 de seis núcleos. Os seguintes processadores, codinome Whiskey Lake, também devem ser incluídos na 8ª geração.

Estes chips quad-core irá substituir a primeira onda de processadores de oitava geração, que chegou em agosto de 2017. No final do ano, devemos esperar mais processador para desktop para entusiastas, codinome Cascade Lake-X.

Como o Core i3-8121U é o chip de oitava geração, a família Cannon Lake deve ser a última geração desta geração em 2019. Então, a 9ª geração dos processadores Ice Lake será seguida por um processo de 10nm.

Deixe seu comentário